Há um cenário independente e alternativo de produção cultural em efervescência no Brasil. Novas gerações tomaram a palavra e transformaram não apenas a política, ou a forma de se relacionar no mundo, como a maneira de contar histórias. Esta edição apresenta as tendências de produção e consumo de narrativas, mostrando a diversidade dessa cena que amplia o alcance de vozes, traz vitalidade aos meios de produção e difusão cultural e tem a tecnologia como catalisadora.

Veja o estudo completo aqui.