A emoção dos jogos da Copa não seria a mesma sem a multidão presente nos estádios. Das arquibancadas ecoam os gritos da torcida que reverberam até o campo, uma voz coletiva capaz de influenciar a motivação dos jogadores e até mesmo o placar final. Mesmo fora da Copa, nas competições regulares de cada país, a emoção dos jogos sempre está centrada nos estádios e arenas em que as partidas são disputadas.

Acompanhar uma partida da Copa presencialmente é o ápice da experiência esportiva. A emoção e a energia compartilhadas in loco geram um sentimento inigualável de pertencimento e engajamento com o esporte.

No contexto dos jogos realizados em estádios e arenas, há uma motivação coletiva em torno de um único objetivo: a vitória de um time. Quando falamos especificamente de futebol no Brasil, a experiência no estádio é carregada de significados emocionais, capazes de mover multidões e gerar comportamentos coletivos inimagináveis em outros ambientes.

Há uma comunhão entre o desempenho do time e o clima de sua torcida; há o extravasamento da emoção em forma de gritos de guerra, vaias, aplausos e movimentos coordenados; há a socialização entre os torcedores e a identificação de uma paixão comum.

Segundo nossas pesquisas sobre os Torcedores

do Brasil, isso é importante porque gera:

camisa

PERTENCIMENTO

Torcer por um time significa compartilhar crenças, valores e emoções, além de reforçar a identidade esportiva e gerar vínculos para vida toda.

placar

FAZER PARTE DO RESULTADO

Os torcedores acreditam que influenciam diretamente o resultado a favor do seu time e que mobilizam uma energia positiva que chega até o campo.

megafone

ENTRETENIMENTO

O estádio proporciona também uma experiência ligada à diversão. Os sentidos são ativados e fazem parte do ritual: o som, os cheiros, o abraço no desconhecido etc.

torcida

SOCIALIZAÇÃO

Pela intimidade que se tem com o futebol, sem dúvida ele é o esporte mais social de todos. Torcer é social, jogar é social, ir ao estádio é um ato de grupo.

 TECNOLOGIA EM CAMPO: CONEXÃO, 
 REGISTRO E COMPARTILHAMENTO 

Para os torcedores, o celular tem um papel social e de transmissão ao vivo informal e imediata. O compartilhamento de informações e imagens registradas nos estádios tem alta rotatividade no WhatsApp, mais do que no Instagram e Facebook, de acordo com pesquisa da Associação Brasileira de Telecomunicação sobre o volume de tiragem de fotografia nos estádios durante os jogos. A Copa do Mundo de 2014, considerada a “Copa das selfies”, registrou números recordes de transmissão de dados.

Durante a primeira fase do evento, 32 milhões de fotos foram enviadas pelas redes de telefonia móvel instaladas pelas prestadoras nos estádios – o equivalente a 6 mil fotos por minuto, considerando-se o período mais intenso no tráfego de dados que vai do início das partidas até o intervalo.

Nesse ritual, o rádio não deixa se ser mencionado como importante em termos funcionais, por fornecer informações complementares do jogo. Para muitos torcedores, ouvir o rádio tem um forte aspecto emocional, ligado a uma tradição que não se perdeu com a modernidade.

Para os mais velhos, o rádio é hábito; para os

mais novos, muitas vezes, é herança familiar.

Vale ressaltar que a experiência vivenciada nos estádios não se restringe aos espaços de larga escala e, de formas variadas, os torcedores expandem para outros locais a adrenalina e a emoção das arquibancadas. Os bares, por exemplo, acabam sendo o meio termo entre o estádio e a casa. Eles trazem um pouco da atmosfera vibrante, com certa segurança e conforto. Porém, com o lado social ganhando tanto espaço, existe uma dificuldade de se concentrar no jogo em si.

Por outro lado, a alta dos preços de cerveja, acrescida à insegurança e à expansão da noção de bar, faz com que a casa seja uma boa solução para desfrutar do futebol. Neste caso, além da socialização no ambiente real, as redes sociais também ganham espaço. Os amigos do WhatsApp e Facebook participam em tempo real do evento. Dentro ou fora dos estádios, a torcida sempre encontra a sua voz.

header_copa

Torcedores do Brasil

Uma análise da relação do brasileiro com a Copa do Mundo desvenda como o maior evento do esporte global é capaz de despertar paixões e parar o país.

tags

header_copa

Torcedores do Brasil

Uma análise da relação do brasileiro com a Copa do Mundo desvenda como o maior evento do esporte global é capaz de despertar paixões e parar o país.

tags