Podcast

História, games e colaboração

“Gente Conversa”, programa #2: como as histórias e os games influenciam na gamificação e ajudam na construção de habilidades, como a colaboração.

3 jun 2019 | Gerações Sem Idade

por Gloob

História, games e colaboração. O novo programa da 2ª temporada de podcasts da Plataforma Gente tem a participação de Anna Mezashi (Gloob), Daniela Tófoli (Revista Crescer) e Cris Dias (B9). O bate-papo comandado pela Ju Wallauer debate sobre como as histórias e os games influenciam na gamificação e ajudam na construção de habilidades, como a colaboração.

O ponto de partida é o papel das histórias no aprendizado e no desenvolvimento das crianças. Para Daniela “a história organiza o mundo infantil, é um treino para vida adulta e ajuda os pequenos a se projetarem para o que querem ser no futuro”. Nesse cenário, qual o papel dos jogos na construção de cooperação e reconhecimento das próprias frustações para crianças? E é aqui que entra o debate sobre games e tecnologia, que, segundo Ju, é um tema que assusta mais os pais do que as crianças, já que os pais não tiveram tanto acesso à tecnologia quanto as crianças atualmente.

O quarteto ainda discorre sobre os benefícios dos jogos, mas sempre reforçando a importância do cuidado e da supervisão dos pais. Além da aproximação, persistência, criatividade, habilidade motora e visão estratégica também são algumas características desenvolvidas pelos usuários de jogos. Em um paralelo com a vida adulta, os convidados também falam sobre trabalho e relacionamento. “Essa geração cria conteúdo desde sempre. Os jogos desenvolvem habilidade gerenciais, divisão de papeis, trabalho em equipe, exercício de colaboração.”, afirma Ju Wallauer.

Por fim, os convidados fazem uma contraposição à gamificação. “Temos que prestar atenção o quanto estamos tornando esse mundo tão legal quanto os games. Nenhum chefe vai gamificar a vida, os adultos não cumprem uma tarefa no trabalho e ganham aumento de imediato, por exemplo.”, explica Daniela. Já Cris lembra sobre os processos em casa. “Temos o hábito de dar sempre alguma coisa em troca para criança após as tarefas, se arruma a cama ganha um presentinho, mas temos que fazer nossos filhos se sentirem parte daquele lugar, com direitos e deveres.”.

O segundo programa da série de podcasts “Gente Conversa” é baseado no estudo “Era uma vez” disponível aberto e na íntegra aqui na plataforma.

Clique aqui e assine os podcasts "Gente Conversa" com seu player favorito.

leia-mais-roxo
crianças se ajudando a levar blocos

 

ERA UMA VEZ

As histórias que contamos às crianças influenciam a forma como elas enxergam o mundo, vivenciam e se relacionam com a coletividade.

somos_geracao_alpha_img7

 

PRAZER, SOMOS A GERAÇÃO ALPHA

A Geração Alpha redefine padrões de comportamento e, brincando, revela uma nova visão de mundo.

compartilhe